Posts com a tag ‘dicas’

14

Jul

08

Cinzamarrom

Um blog lindo de uma amiga querida, Clarissa.

Bookmark and Share


08

Jul

08

Pop escandinavo

Um som maneiro da Noruega: Sondre Lerche. Dica do Yan Boechat.

Bookmark and Share


04

Jul

08

A China pelo olhar de Sônia Bridi

Minha ex-colega de curso na UFSC, Sônia Bridi, hoje correspondente da TV Globo em Paris, está lançando pela editora Letras Brasileiras o livro Laowai (Estrangeiro). Numa mistura de reportagem e diário de viagem, Sônia conta das experiências que ela mais o marido, o cinegrafista Paulo Zero, e um filho de três anos viveram em 2005 e 2006 na China, onde montaram a primeira base da emissora na Ásia.

Diz o texto do convite da Letras Brasileiras: “Uma história divertida, intensa e delicada, que provoca risos e lágrimas, sem apelações ou pieguices. … Um retrato pitoresco, emocionado e extremamente requintado da sociedade chinesa,…com olhar perspicaz de repórter e viajante experiente e uma perspectiva feminina que dá ao relato um sabor especialíssimo”.

Um livro de reportagem e histórias sobre a China, por si só, já me deixaria curioso (em 93 estive em Taiwan e Hong-Kong, o que me deixou com água na boca pra conhecer melhor essa cultura fantástica). Escrito pela Sônia, então – uma das repórteres de tevê mais brilhantes que conheço -, não dá pra deixar de ler. O lançamento com presença da autora vai ser no dia 10 de julho às 19h na Livraria Cultura de São Paulo (Conjunto Nacional); 15 de julho às 19h na Livraria da Travessa em Ipanema, Rio de Janeiro; e 17 de julho às 19h na Livraria Saraiva, em Floripa. Pena que estarei viajando, mas vou reservar meu exemplar.

Bookmark and Share


27

Jun

08

Mostra de Cinema Infantil de Floripa começa hoje

A 7a. Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis começa hoje às 14h no cinema do CIC, com a pré-estréia nacional do filme “Pequenas Histórias”, do cineasta mineiro Helvécio Ratton (sessão para estudantes de escolas públicas pré-agendadas; no sábado haverá nova exibição aberta ao público). Às 19 horas, no CIC, acontece a abertura oficial para imprensa e convidados.

Durante a recepção, a diretora da Mostra, Luiza Lins, e o coordenador institucional da Programadora Brasil, da Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura, Frederico Cardoso, assinam protocolo de parceria para dar acesso da Programadora aos filmes inscritos na Mostra. A proposta é oferecer audiovisuais em séries de DVD, por meio de permissão de uso, para pontos de exibição de circuitos não comerciais em todo o país: escolas, universidades, cineclubes, centros culturais etc.

A programação completa da Mostra está aqui. Colegas jornalistas que precisarem agendar pautas e de mais informações, entrem em contato com a gente pelo e-mail imprensa [arroba] mostradecinematinfantil [ponto] com [ponto] br ou pelo telefones (48) 3225 7993 (assessoria de imprensa); 48/ 9989 4202 (Kátia Klock); 9633 9912 (Adriane Canan) e 9922 9700 (Dauro Veras, este que vos tecla).

Bookmark and Share


26

Jun

08

Falta um dia pro início da 7a. Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis.

Bookmark and Share


26

Jun

08

Texto na web sem complicação – ou quase

O shortText.com é uma ferramenta curta pra colocar textos na web de maneira rápida e simples. Não precisa de login nem senha. É só escrever – ou copiar e colar – no formulário, clicar e pronto: é criada uma URL (endereço) praquela página. Dá pra incluir até 30 mil toques. Outras funcionalidades: o acesso pode ser público ou privado, dá pra linkar imagens ou vídeos e permitir comentários. É uma espécie de Google Docs ultra-simplificado. A página fica ativa indefinidademente, desde que acessada pelo menos uma vez por ano. Uma grande desvantagem do serviço é que, no modo gratuito, não é possível editar a página depois de publicada. Em caso de erro, o usuário precisa criar outra. Se pintar arrependimento, então, o jeito é entrar em contato com o administrador. É a aplicação 2.0 daquela frase do Millôr, “viver é desenhar sem borracha”.

Bookmark and Share


23

Jun

08

Como se livrar de dívidas (2)

E já que estou no assunto, este post do blog Zen Habits faz uma lista de 73 dicas (in English) para eliminar os débitos, a partir de sugestões dos leitores. Algumas são redundantes, outras, contraditórias, mas tem bastante coisa boa. Selecionei dez:

  1. Não contraia dívidas. Pague em dinheiro e evite fazer débitos, exceto pra casa e carro.
  2. Gaste menos do que ganha. É auto-explicativo. É óbvio. E é duro de botar em prática.
  3. Evite comer fora. Cozinhe suas próprias refeições, exceto em ocasiões especiais.
  4. Use criatividade no lazer. Visite amigos, leia livros, divirta-se sem gastar.
  5. Crie um orçamento realista. Reserve um pouco de dinheiro pra cultura e lazer.
  6. Elimine. Avalie o que é realmente necessário e corte o que não é.
  7. Compre à vista. Assim você consegue bons descontos.
  8. Pague a você 10% primeiro. Deposite numa conta que seja difícil de mexer.
  9. Seja paciente. A redução de dívidas é um processo demorado.
  10. Eduque. Ensine seus filhos a não cometerem os mesmos erros que nós…
Bookmark and Share


23

Jun

08

Como se livrar de dívidas em três passos

Não sou muito chegado a dicas de auto-ajuda, mas este texto, publicado no Zen Habits, é bem interessante e talvez ajude o leitor que esteja com a incômoda sensação de ter perdido o controle da vida financeira: “Como paguei 35 mil dólares em dívidas – e como você pode também”. Em resumo, são três os passos principais, que o autor, J.D. Roth, desenvolve no artigo (in English):

  1. Pare de contrair novas dívidas.
  2. Crie um fundo de emergência.
  3. Ataque a dívida existente.

No passo 1 ele enfatiza um ponto fundamental: para acabar com as dívidas é preciso interromper radicalmente o uso do crédito. Quando se está devendo, cartões de crédito são uma armadilha. O segundo passo é uma espécie de seguro pra enfrentar a batalha. Ele recomenda não deixar esse dinheiro disponível com muita facilidade.

O passo 3 permite abordagens distintas, conforme o perfil do devedor. Se você tem disciplina suficiente, pode escolher a técnica convencional de priorizar o pagamento dos débitos com juros mais altos. Matematicamente é o mais indicado para se pagar o que deve no menor prazo possível. No mundo perfeito seria o caminho mais indicado, acontece que é bem difícil de perseverar. Se você, como eu e a torcida do Flamengo, não tem muita disciplina pra lidar com dinheiro, pode considerar outra alternativa. Roth conta que com ele funcionou a abordagem “bola de neve da dívida”, apresentada no livro The Total Money Makeover, de Dave Ramsey.

Aparentemente é um contra-senso, porque a proposta é ignorar os juros e listar as dívidas partindo do valor mais baixo para o mais alto. Mês a mês, o devedor paga o mínimo de todas as dívidas, exceto a de valor mais baixo, na qual deve concentrar todos os recursos possíveis pra quitar. Uma vez que esta é eliminada, passa-se à próxima dívida de menor valor e assim por diante. O que conta aí é o efeito de reforço psicológico dado pelos pequenos e perceptíveis avanços. A técnica é explicada com mais detalhes no blog de finanças pessoais de Roth, Get Rich Slowly.

Ele sugere ainda uma terceira abordagem, que também não se fundamenta na matemática, e sim na psicologia do comportamento: livre-se primeiro das dívidas que mais o/a incomodam. Assim fica cada vez mais fácil lidar com as demais.

Bookmark and Share


19

Jun

08

Teatro de animação

Hoje Miguel vai ao teatro com a turma numa atividade extra-classe: o Fita Floripa, Festival Internacional de Teatro de Animação. Eles já tinham ido antes às casas das professoras, mas numa excursão ao centro é a primeira vez. Fiz as recomendações de praxe e depois marquei a altura dele no muro, pra gente acompanhar o crescimento. Saiu todo orgulhoso :)

p.s.: Pais e mães, ainda dá tempo, o Fita vai até 22 de junho!

Bookmark and Share


17

Jun

08

Saite da vez: Memória Roda Viva

Tive paixão à primeira vista por este projeto: o Memória Roda Viva se propõe a digitalizar a transcrição de todas as entrevistas do famoso programa da TV Cultura que vai ao ar semanalmente desde 1986. Já colocaram 206 nomes, como Grande Otelo, Millôr Fernandes, Davi Yanomami, Niède Guidon, Darcy Ribeiro, Dráuzio Varella, Jesus Martín-Barbero, Manuel Castells… (já tou selecionando alguns que quero conferir). Junto com os textos vêm vídeos de uns dois minutos com trechos das entrevistas. Acabo de ver os de Bioy Casares e Paulo Francis. As entrevistas também podem ser acessadas por assuntos: ciência, cultura, economia, esporte e política. É a história contemporânea ao alcance do clique. Pra quem não gosta, é só procurar mulher melancia em outro canto – isso é a beleza da internet.

[dica da sempre antenada Tati Cardeal]

p.s. Seria lindo se os usuários pudessem copiar o código dos vídeos e embuti-los nos blogs – como se faz no youtube – dando link pra transcrição das entrevistas.

Bookmark and Share